23/01/2015

XII Conlab, Fevereiro 2015, Lisboa

Cabo Verde País de Mentira (2011) e Muvimentu Coc$ (2013) foram dois trabalhos participativos com os GPI e Wolf Gang respectivamente, integrado num projecto etnográfico de maior amplitude desenvolvido no contexto urbano cabo-verdiano desde 2007, focando as questões infanto-juvenis, gangues de rua, cultura hip-hop e criminalidade organizada. 

A comunicação intitulada "Quando o campo nos coloca atrás das câmaras". Rap, cultura visual e intervenção no espaço público (Praia, Cabo Verde), a ser apresentada no XII Congresso Luso-Afro-Brasileiro, é uma primeira reflexão sobre a legitimidade da intervenção pública do pesquisador e a utilização do conhecimento científico para fins de auto-consciencialização política dos jovens com quem se vai interagindo no processo de pesquisa. Fará parte do GT 59 intitulado Entre pesquisar e fazer: práticas artísticas, metodologia e crítica social nos estudos sobre juventudes, de Lorenzo Bordonaro e Frank Marcon. 

O programa preliminar do Congresso poderá ser consultado aqui.

[Na imagem FCSH-UNL, sede do XII Conlab]