23/04/2018

Human Rights 2018 (ano de 2017)

Que os Estados Unidos não tenham grandes exemplos a dar em matéria do respeito pelos direitos humanos é sabido (ver o relatório mundial 2018 da Human Rights Watch). No entanto, este relatório não deixa de ser válido. Antes, a reação do governo à coisa cabia ao A Semana. Hoje, os senhores ministros descartam meninos de recado... com isso perde-se o essencial da discussão, desviando-a para coisas triviais, se calhar propositadamente.  

[Imagem sacada na net]

16/04/2018

RCSL-SDJ Lisbon 2018 Meeting

A secção temática da Sociologia do Direito e da Justiça, da Associação Portuguesa de Sociologia, realiza entre os dias 10 e 13 de setembro, no ISCTE-IUL, o encontro Law and Citizenchip Beyond the States. "Jovens, políticas públicas e organizações de rua: uma releitura teórica-empírica dos grupos de jovens armados em Cabo Verde" é o título da minha comunicação. 

[Imagem de RWL, 2016]

30/03/2018

Detroid

Detroid (2017). Realizado por Kathryn Bigelow, o filme retrata os acontecimentos ocorridos em 1967 no Motel Algiers, em Detroid, durante a rebelião na cidade, em que um grupo de jovens negros (e duas acompanhantes brancas) foram vítimas de racismo e criminalidade policial por um "gangue legal" local. Volvidos 51 anos, em várias cidades dos EUA, do Brasil, da África do Sul, assim como em cidades europeias como Paris, Londres, Lisboa e demais contextos onde o racismo se institucionalizou enquanto prática estatal, os corpos negros e não brancos continuam a ser humilhados e massacrados impunemente em nome da Política de Lei e Ordem. 

Como afirma John Hagedorn, o grande erro das ciências sociais na compreensão do fenômeno da proliferação dos gangues nos pós-1970 foi ter ignorado o racismo (e sobretudo a permanência dela e sua relação com a desmoralização social e construção da identidade de resistência nos jovens desafiliados) enquanto variável explicativa. Portanto, a mobilização de W.E.B. Du Bois, sociólogo negro norte-americano, epistemologicamente segregado por Robert Park e Escola de Chicago com conluio de Booker T. Washington, para além de uma restituição de justiça histórica, é uma estratégia epistemológica de rebater estas questões na sociologia e nos estudos do crime e da violência. 


29/03/2018

Como escreveu W.E.B. Du Bois, o problema negro é a criminalidade branca

Mário Machado, uma espécie de Derek Vinyard tuga antes da prisão, o tal que concedeu uma entrevista à TVI de shotgun em punho a incentivar crimes de ódio, o que lhe valeu uma pena de 10 anos de prisão. O tal líder dos skinhead fação Hammerskin tuga, que participou no assassinato do cabo-verdiano Alcindo Monteiro, nos anos de 1990, o que lhe valeu uma pena de 4 anos de prisão. O tal que criou o partido Nova Ordem Social, de ideologia racista e nacionalista, por achar a malta do PNR uns meninos de coro. O tal que passa a vida a acusar jovens negros da periferia de banditismo e cria os Red & Gold, clique tuga dos Bandidos, grupo este identificado pelo FBI como um gangue de motoqueiros especializados no tráfico de drogas e armas, proxenetismo e extorsão.

LBC é quem tinha razão. São os criminosos legais a darem a cara. Como escreveu W.E.B. Du Bois, o problema negro é a criminalidade branca... 

22/03/2018

Plano Nacional de Cuidados

O Governo de Cabo Verde, através do Ministério da Família e Inclusão Social, lança o Plano Nacional de Cuidados (2017-2019), um importante instrumento político no combate à crise de cuidados resultante da dissolução das redes tradicionais de apoio às famílias e, consequentemente, a desigualdade de gênero. Igualmente, uma boa medida de promoção de autogestão familiar. Contudo, o seu resultado prático irá depender de ações governamentais mais estruturantes que estão na origem de vários "problemas sociais", entre os quais o fenômeno criminal, mais concretamente a criminalidade urbana juvenil.

[Imagem sacada na net]